NOSSA  EQUIPE

Nossas cores refletem o profundo significado da vida no passado, presente e futuro.
No hinduísmo, o amarelo é a cor do conhecimento e da aprendizagem. Ele simboliza felicidade, paz, ponderação, competência e desenvolvimento mental. É a cor que ativa a mente. O amarelo é a cor da roupa de Vishnu e designa os quatro Veda (conhecimento). Em psicologia, o amarelo significa a cor da mente e do intelecto. Nos negócios, o amarelo representa a iluminação e elevação que estimula o processo analítico e auxilia a clareza mental.

Cinza é a cor da neutralidade e mediador entre o preto e o branco. A sua neutralidade faz com que a mente se torne mais calma e focada. Ela está associada a ser modesto, inteligente, reservado e maduro. Define igualmente dignidade, classe, elegância e compromisso. A matéria cinza refere-se ao cérebro. Em psicologia, cinza é a cor do compromisso. Nos negócios, cinza representa neutralidade e tradicionalismo. Mais importante ainda, implica segurança e fiabilidade.

emanuel

Emmanuel é especialista em turismo macroeconômico, gestão de destino e posicionamento. Formado em Economia Internacional em 1997 e certificado em Gestão Estratégica Avançada. Atualmente, está se formando em Nutrição e Saúde na Suíça. Possui mais de 20 anos de experiência internacional em mais de 50 países em todo o mundo.

Franco-Americano, Emmanuel é fluente em inglês, francês, português, espanhol e italiano .

jus

Jus é instrutora de Yoga certificada pela Aliança do Yoga com graduação em Educação Física no Brasil. Já acompanhou grupos de escalada em gelo na Bolívia e expedições de alta montanha na Argentina e Nepal. Possui experiência em rafting, trekking, arvorismo, tirolesa, slackline, stand up paddle, esqui, escalada e mountain bike. Ela publicou um livro sobre sua própria viagem interna e gosta de ajudar as pessoas a alcançar o seu próprio equilíbrio na vida.

Brasileira, Jus é fluente em português, inglês e francês.

ana

Ana especialista na Arte do Chi (Taï Ji Quan e Qi Gong) e Shiatsu. É formada em Design e já trabalhou como professora de artes em Lisboa e Genebra. Engajada em um processo de desenvolvimento pessoal ela descobriu a Arte do Chi em um curso realizado no sul da França e, em seguida se formou em Shiatsu pela Escola Internacional de Shiatsu em Genebra. Desde 2010 compartilha a arte do Chi.

Portuguesa, Ana é fluente em português, espanhol, inglês e francês.